Arquivo do dia: 28/04/2009

27 de abril – Papaula Pizzaria

dsc04917reduzida1Como disse, mais ou menos, o Guimarães Rosa na sua posse na Academia Brasileira de Letras, eu exclamei:

– Montes Claros, o blog está aqui!

Mas Montes Claros rosnou, latiu, na hora H não mordeu, amarelou. Depois de esperar até às 21 horas e receber a última confirmação de ausência, tive que descer sozinho, com a mesma roupa que viajei ontem, a Avenida Mestra Fininha e virar a Avenida Sanitária para chegar à região dos butecos da cidade.

Passei na porta de vários, mas estava decidido a reviver experiência antiga e fui direto à Papaula Pizzaria, que era o bar da moda na cidade, há 25 anos quando foi inaugurada a primeira pizzaria da cidade. Naquela época o córrego que deu nome à avenida não era coberto, o estilo da casa era colonial com grossas madeiras servindo de grades nas varandas.

Hoje a casa está um pouco menor, não tem mais o playground para crianças (novidade na época), não tem mais o eventual mau cheiro do córrego nos dias de calor, as grades da varanda são de metal em estilo moderno, o telhado foi modificado de forma a cobrir todas as mesas; tudo isto aconteceu a três anos na última reforma, deixando com cara de bar novo.

Fica em uma esquina sem paredes, a transformar o ambiente o menos quente possível. Apenas dez das 72 mesas estavam ocupadas, afinal era uma baita segunda-feira.

Cheguei a comandar uma brotinho e troquei por uma porção de língua, que é servida com torradas, alface e tomates (R$12,90) e chopp. A língua estava boa, mas não gostei do molho. Achei muito forte e não entendi seu sabor e sua pretensão.

Continuo preferindo, em Montes Claros, a língua do Danilo.