03/11/09 – A Grande Muralha

DSC09874reduzida

Lendo o cardápio do restaurante A Grande Muralha (Rua Santa Catarina, 781, Lourdes, 3291-5060) me dei conta que a Grande Muralha de lá tem 5.000 km de extensão, sobre as montanhas e foi construída para proteger a China dos mongóis. Pra você terem uma idéia, a distância entre Porto Alegre e Belém é de 3.806 Km.

Mas como eu não tenho nada a ver com isto, tratei de pedir o prato mais clássico do restaurante: xadrez de oito preciosos com molho satay (R$23,90). Os oitos preciosos são: frango, carne de boi, carne de porco, camarão, cebola, cenoura, pimentão vermelho e broto de bambu e o molho é feito com amendoim, molho shoyo, açúcar, pimenta limão e cebola. Um porção de arroz (R$8,90) ajudava a dar consistência adequada ao prato.

Os rolinhos de primavera (R$2,00 a unidade), servidos como entrada, estavam muito gordurosos e frios e não ajudaram em nada. Mas o prato principal estava perfeito.

Saí do restaurante com um marmitex com o que sobrou do xadrez do almoço, que foi consumido no jantar do mesmo dia. Esta cena é clássica nos restaurantes chineses, já que os pratos são muito fartos.

Outra cena clássica nos restaurantes chineses é a má qualidade dos serviços, provocada pela inexperiência dos garçons. Eles são sempre muito jovens e parece, sempre, que começaram a trabalhar no dia anterior.

Anúncios

3 Respostas para “03/11/09 – A Grande Muralha

  1. Oi Augusto gostei muito de tudo isto, felicidades, olha tem um buteco na rua salinas que chama bar do chumba vc vai gostar só não sei o numero kkk.bj

  2. augustonobuteco

    Maisa,
    acha o endereço do Bar do Chumba e avisa pra irmos juntos. Vou convidar o Marcos pra continuar ouvindo você contar os casos dele.
    Augusto

  3. Uma coisa que adoro na Grande Muralha é o clima atemporal. Vou lá com meus pais desde que era pirralhinha, e a comida (e o cardápio/decoração!) nunca mudou. Sinceramente, adoro a comida de lá, e te dou uma dica preciosa: nunca peça o arroz; peça pelo tradicional pãozinho ao vapor, que combina perfeitamente com a comida de tempero forte. Os pratos mais gostosos são o Raposai (peça esse na próxima ida, se houver) e o tal Oito Preciosos. O pãozinho cai melhor do que o arroz branco comum.
    Já os rolinhos a primavera de fato deixam a desejar, e às vezes vem frios, uma decepção, sendo que a comida em geral é muito gostosa.
    Mas no mais, vale muito a pena!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s