22/5/10 – Estúdio da Carne Bar

Você será desafiado a decifrar o enigma do bar, proposto pela escultura verde, logo que se deparar com ela, quando chegar no meio do salão. E não terá opção, ou decifra ou é devorado ou terá que devorar.

Tivemos a felicidade de decifrar imediatamente o enigma, logo que cheguei ao Estúdio da Carne Bar, na Avenida do Contorno, 3946 (3227-4898) e pude conviver harmonicamente com a escultura nesta noite de sábado, que é o dia mais difícil de ser decifrado, pois ela coloca muitos obstáculos e dúvidas na sua frente.

Ao lado de dois de meus assessores para assuntos etílicos e gastronômicos – na ordem Humberto e Vilminha – pedimos o Jilógrete da Vovó para curar Torresmo de Bêbado: torresmo de barriga feito na brasa com batatas e cebolas pequenas regadas com manteiga de garrafa. Um molho de cachaça e uma salada feita com tirinhas de jiló, de pimentões nas 3 cores, de azeitona e de cebola roxa fazem o acompanhamento. A salada é marinada em um molho de especiarias, no qual conseguimos encontrar apenas o sabor do gengibre. Tudo isso, a descrição é maior que a quantidade – por R$20,00.

Em seguida experimentamos o Capivara Cover que vem acompanhada de batatas e cebolas assadas, farofa e vinagrete. Custa R$4,80 cada 100 gramas do lombo de porco que compõe este prato e tem sabor de capivara, conforme garante o Paulo. Este segundo prato tem muita semelhança com o primeiro e a mesma qualidade.

Tivemos a sorte de não encontrar mesas vazias e nos assentamos junto ao balcão, perto da churrasqueira, de onde o mágico Paulo solta todas as carnes, espetinhos, salmão e pães assados.  A cozinha propriamente dita fica responsável apenas pelas saladas e porções de salaminho e castanha, além do apoio à churrasqueira. E ficamos ali com um olho na cozinha e churrasqueira e outro nas mesas internas e externas e no movimento da porta. Apreciando a diversidade humana.

Aos sábados funciona das 18 às 2 da manhã e à meia-noite, quando fomos embora, ainda se encontrava dificuldades por uma mesa vazia, num ambiente alegre e efervescente sem deixar de ser tranqüilo, aconchegante e intimista. Paradoxo? O bar tem a proposta de ser paradoxal mesmo.

A única falha cometida por nós foi o esquecimento de comer, ao final, o Bombom do Paulo, R$3,00, feito de chocolate puro, (na realidade o bombom da mulher do Paulo) que conforme informação do próprio combina muito bem com todos os pratos do bar. Ainda recebe o último desafio: se não gostar não paga.

E fomos embora satisfeitos com o que encontramos; satisfeitos com o serviço, com o ambiente, com a qualidade e com o preço. Satisfeitos por conhecer mais um bar desta Beagá, um bar à altura de sua tradição.

Anúncios

3 Respostas para “22/5/10 – Estúdio da Carne Bar

  1. Randolfo Alves

    Que leveza de texto! Concordo em gênero, número e grau, o Estudio da Carne é um bar super agradável, com petiscos maravilhosos e atendimento mil! E ainda oferece cervejas e drinks especiais. Parada obrigatória no roteiro de bares de BH.

  2. Felipe Lott

    Como consigo saber a classificação do Estúdio da Carne bar no festival Comida di Buteco 2010? estive por lá e amei, estou fora e mto curioso, torço pela família Estúdio, pelo trabalho sério e empenho de toda a equipe.
    Se der me passe este retorno, acheo seu site fantástico, um verdadeiro guia de BH, Parabéns! Augusto no buteco, vamos em frente, a vida e curta e temos que curti-la.

  3. Carla Paes

    O Estúdio da Carne é mesmo mto aconchegante, tem uma proposta arrojada, casa cheia de pessoas interessantes, é o meu bar preferido.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s