20/8/10 – Eddie Fine Burgers

Este é o oitavo ano consecutivo que a casa de sanduiches Eddie Fine Burguers ganha o premio de melhor da cidade pela Veja. Fiquei curioso e fui lá, naquele casarão pintado de ocre, na Rua da Bahia 2652, esquina com Fernandes Tourinho, em Lourdes, decifrar as razões desse sucesso.

                                                   Não tem mistério. Desde a criação do Xodó na Praça da Liberdade nos anos setenta que não existia uma sanduicheria de qualidade na cidade, fora dos shoppings. Então era só encontrar uma boa esquina na Savassi , colocar um nome em inglês, disponibilizar bons produtos em um bom ambiente, que logo apareceriam muitas pessoas dispostas a pagar R$12,00 em um pão simples de hambúrguer com carne ou mais R$2,00 para lhe acrescentarem uma fatia de queijo.  Como ninguém iria querer sanduíche tão simples criaram logo o top “Eddie” feito com pão de hambúrguer com gergelim, carne, queijo cheddar, bacon, cebola caramelizada no molho BBQ com alface e cobrar R$21,30 que muita gente iria aceitar. 

                                                   Não se pode esquecer de recriar um ambiente que lembre as casas americanas do gênero. Na decoração não poderia faltar bastante imagens de pin-ups e propagandas americanas dos anos 50. Fazer um cardápio com tudo escrito em inglês e escrever no topo do mesmo o epíteto “the best burgers in town”, assim mesmo em inglês.  Afinal de contas o público esperado consegue ler estas palavras em inglês. Venhamos e convenhamos: ninguém paga esses preços em sanduíches com o nome de X alguma coisa.

                                                   E isto tudo foi feito. Além desta casa  outras duas foram abertas, uma no BH Shopping e outra no Pátio Savassi. O cardápio oferece onze tipos de hambúrgueres e dez outros tipos de sanduíches com  a possibilidade de trocar o hambúrguer pela picanha ou pelo frango ou pelo de soja. Ou trocar as fritas pela batata sorriso ou por caesere salad ou por onion rings e mais acrescentar queijo, bacon, alface, tomate e molho, Tudo com seu custo; fiquei cansado só de ver tantas opções. Sanduiches para crianças, batatas fritas, saladas e pratos sem Paes, sobremesas, super Milkshakes, cafés, chopp, refrigerantes, cervejas long neck, wisky e vodca completam o cardápio.  Sem contar com a facilidade de receber tudo pelo delivery (3282-4606).

                                                   São dois ambientes e mais algumas mesas na área externa da casa para o desfrute do que pode ser chamado de baixíssima gastronomia. Fiquei olhando aquele público jovem (dois ou três homens de meia idade) e me perguntando se eles vão comer sanduíches por toda a vida, se o paladar deles se desenvolverá ou se estavam ali apenas como eu.

Anúncios

10 Respostas para “20/8/10 – Eddie Fine Burgers

  1. Eugenio Raggi

    Quem paga mais de 20 cruzeiros num sanduíche tem lugar reservado no purgatório dos perdulários sem causa.

    Um lugar desses deveria ser fechado por prática abusiva de preços.

    Quem paga 4 cruzeiros no Bauru do seu Milton (em Itatiaiuçu) por um maravilhoso pão francês com farto queijo minas, cebolas passadas no molho inglês e generosíssima porção de Rosbife entende o que eu digo.

  2. Concordo em parte quando se diz que os preços do Eddie’s são abusivos. Digo em parte porque parto da seguinte premissa: mesmo se tratando de um ambiente da “baixa gastronomia” que boa parte da população aprecia, sempre se deve dar uma chance para a qualidade falar mais alto. No entanto, acho o ambiente de lá bonito e agradável, mas depois de algumas idas até lá, não consegui identificar de onde o sabor desagradável estava vindo. Não sei se era da carne ou do óleo que se preparava os diversos produtos. O fato é que, por esse motivo, o lugar não faz a minha cabeça e por isso, acho 20 reais por um hambúrguer algo surreal! No entanto, se alguém quiser ir e pedir o milk shake de lá, mesmo pagando caro, vale a pena pela qualidade e por servir duas pessoas.
    Augusto, estou invadindo demais o seu blog?
    Bjo procê!

  3. augustonobuteco

    Raquel,
    não sei o que seria do meu blog se eu não pudesse contar com a sua contribuição e com a contribuição do Eugênio Raggi que opinou abaixo sobre esta mesma casa.
    Vou contar um segredinho só para vocês dois. Foram as opiniões nossas que permitiram o recorde de acessos em agosto. 3976. Estamos bombando!
    Augusto

  4. Dani Freitas

    E ainda tem mais uma casa, no Diamond Mall.
    Mas tenha fé, o paladar se desenvolve, mesmo demorando algum tempo … sou a prova viva!

    Abraços.

  5. augustonobuteco

    Dani,
    não sei se meu caso tem solução. O meu paladar está é acabando.
    Um abraço,
    Augusto

  6. Augusto, gostei muito do seu blog, vim desde o começo lendo, passando por diversas páginas de posts antigos até chegar neste post sobre o Eddie.

    Parei para pensar como é interessante a dualidade da vida. Vou explicar: eu sinceramente, em outros posts vi que você não gosta de americanos, que tem uma certa tendência esquerdista(assim como meu pai), mas como se trata de um blog sobre bares e não sobre política eu deixei isso pra lá. Eu tenho 23 anos, e felizmente tenho um grande interesse político, e opinião formada sobre o assunto(segundo meu próprio pai esquerdista). Eu não gosto muito da esquerda, confesso(talvez por ter nascido em uma situação e época diferente), e acho um tanto quanto bobagem esse ódio aos EUA(desculpe a sinceridade). Lendo esse post eu achei a avaliação do Eddie um tanto quanto tendenciosa. Achei que você foi até a casa com raiva, e disposto a ver como é para poder criticar depois. Também achei engraçado quando você criticou o cardápio escrito em inglês(me lembrou o meu pai).

    Tive uma forte vontade de fechar o navegador e parar de ler o seu blog(o meu lado de direita, que inclusive votou no Serra, estava me mandando fazer isso), mais parei e pensei, afinal, o meu interesse ao ler o seu blog era saber sobre bares e não sobre política. Ao mesmo tempo parei para pensar e vi que você tem uma certa razão, explico meu pensamento a seguir.

    Vi que realmente o Eddie não é o que ele propaga aos quatro ventos. Sou do interior, vou de vez em quando a BH, e uma das últimas vezes que fui almoçei com meu irmão e minha sobrinha(sim, sou novo mais tenho sobrinha de 16 anos) no BH Shopping(como sempre), fiquei tentado a comer no ruim restaurante japones a quilo do terceiro piso(pelo simples fato de não ter muita oportunidade de comer comida japonesa e gostar de comer esse tipo de prato quando vou a Belo Horizonte). Minha sobrinha logo reclamou que não gosta, e meu irmão então falou para irmos no Eddie, inclusive lembrando de uma experiência passada nossa em que comemos um bom sanduíche com molho Tex-Mex(na época muito apimentado, o que gostei bastante) na mesma lanchonete. Chegando lá, estava lotado, e com muita demora conseguimos pedir nossos sanduíches, e o nosso refil de refrigerante. O sanduíche estava ruim, o molho apimentado que antigamente era ótimo estava praticamente sem nenhuma pimenta, e em pouquíssima quantidade, e o refrigerante estava horrívelmente sem gás. Na hora da conta foi pior ainda, tive saudades do ruim restaurante japonês.

    Voltando à explicação que dava antes, vi que realmente você tem razão sim, o Eddie é ruim, e car0, muito caro. Não me importaria com o preço se fosse realmente bom, já tinha comido lá há muito tempo e como o sanduíche tava gsotoso não me importei com o preço. Afinal, já comi sanduíche péssimo e gorduroso por 18 dólares, pelo simples motivo de estar em um parque temático americano(um daqueles, daquela marca famosa, que propaga a propaganda americana aos quatro ventos) e não ter outra opção(ops, espero não ter estragado a minha imagem com você em falar que já fiz esse tipo de viagem). Na época, jurei que nunca mais comia sanduíche.

    Tinha falado da dualidade da vida, pois é, interessante. O meu lado político achou o seu post muito ruim, muito tendencioso, e com comentários completamente dispensáveis. Ao mesmo tempo esse próprio lado político me lembrou das boas conversas políticas com o meu pai, cada 1 tentando defender o seu ponto de vista. Já o meu lado comilão achou o seu post ótimo, que compartilha com a minha mesma opinião, porém ao mesmo tempo percebi que já comi coisas piores.

    Por isso resolvi escrever esse comentário. Simplesmente pelo fato de que esse post me despertou esse sentimento de dualidade que eu considero vital. Afinal, nem toda opinião é absoluta, e nem todos devem compartilhar da mesma opinião. Porém, tudo tem seu lado bom e ruim, isso é essencial para a vida ter sentido. O interessante mesmo é o equilíbrio e o respeito.

    Respeito, esse foi o motivo de me fazer continuar a ler o seu blog, e deixar pra lá seus comentários políticos, afinal, eu também tento falar a minha opinião sempre que me perguntam, e também gosto de propagar as minhas ideias, sejam elas políticas ou não. Finalizando, mais uma vez falo que meu interesse neste blog é gastronomia, e neste quesito estou gostando do seu blog. Parabéns.

    OBS1: Compartilho com você de que o hábito de comer sanduíche é uma baixa gastronomia, não me entenda como um devorador de sanduíches, rsrsrs.

    OBS2: Gostaria de saber a sua opinião sobre o meu post (apesar do aviso de que meu email não será publicado, acho que você como dono do blog tem esta informação, se quiser me mandar um email comentando esse meu comentário ficaria grato, mesmo que for pra falar mal.

  7. augustonobuteco

    Rafael,
    hesitei muito em manifestar as minhas posições políticas no blog já que a proposta dele é outra. Fui escorregando, escorregando e depois achei que devia mostrar a minha cara. Não tinha, aliás, como esconder. Qualquer pessoa inteligente pode ler claramente nas entrelinhas, nos comentários, nos adjetivos, o que determinada pessoa pensa.
    Mas fico muito satisfeito de ver que a sua serenidade sabe separar as coisas (coisa que eu não soube) e continuar levando a vida.
    Mas devo lhe confessar uma coisa: não tento nem em sombra escrever a verdade. Pelo contrário, deixo transparecer em todos os meus textos que trata-se apenas de uma opinião que, juntada com muitas outras, possa ajudar alguém a formar a sua própria opinião. Taí, outra manifestação que pode ser entendida como uma manifestação política.
    Muito obrigado pelo texto e pela paciência que teve comigo. Aguardo você mais vezes. Já disse para outras pessoas que os comentários – muitas vezes – completam os textos, principalmente quando divergem da minha opinião.
    Um abraço pra você e outro pro seu pai.
    Augusto

  8. Augusto, experimente o SAM’s Burguer.. Custa metade do preco e acho muito mais gostoso. Hamburger de qualidade, preco justo e o dono ainda eh gente boa. Confira mais nesse post “http://www.dzai.com.br/eduardogirao/blog/blogdogirao?tv_pos_id=72924”

  9. SAM’s Burguer. É mt bom!!

  10. augustonobuteco

    Anônimo,
    deve ser mesmo. Eu é que não tenho mais paladar para ele.
    Valeu a indicação. Obrigado.
    Um abraço,
    Augusto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s