Parrilla Urbana – 12/2/12


Instigado por um seguidor – Clayton Slayer – fui conhecer as vísceras da Parrilla Urbana, ou melhor, fui conhecer as vísceras bovinas servidas nesse restaurante. Convidei o Chico e constatei que ele tem dificuldades figadais e não cerebrais com esse produto. Não me assusto com isso, pois adoro pequi e vejo pessoas que não podem nem sentir o cheiro.

São quatro as porções, apresentadas como entrada, feitos com vísceras: morcillas (choriço tradicional) a R$17, riñones (rins bovinos) a R$17,00, mollejas (glândulas timo) a R$28 e chinchulin (tripa fina bovina) a R$28. Com atitude conservadora pedimos um Kit Portenho (R$34) feito com essas quatro porções.

 A primeira impressão, provocada pelo aspecto, não foi das melhores já que os elementos não estavam organizados no prato, como mostrado na foto. O cheiro era muito intenso, estranho e não agradável para iniciantes.

O único sabor conhecido era o do rim que na infância comprávamos no mercado em Salinas e fritávamos como se fosse uma brincadeira; comprávamos rins por ser o único tipo de carne, cujos preço cabia nos nossos parcos recursos.

Os outros sabores tinham as mesmas características do aspecto e o cheiro. A primeira garfada, enquanto ainda estavam quentes, desceu com alguma dificuldade apesar da estranheza, a segunda garfada solicitou ajuda ao azeite e à pimenta e a terceira garfada desceu empurrada, sem que conseguíssemos comer por inteiro a não muito grande porção. A gordura de vísceras deixa na boca, aquilo que popularmente se chama de ranço, que me parece muito desagradável. 

Para a pergunta feita por um dos companheiros – Será que tem alguém que gosta disso? – a resposta foi óbvia: – “Claro que alguém gosta, senão não continuaria a ser vendido”. Estávamos diante de um prato para experts e não para iniciantes.

Mudamos, enfim, para as carnes e estava tudo com a qualidade compatível com uma casa que compete com outros bons restaurantes instalados na região.

As dificuldades foram as clássicas dos restaurantes que estão começando: mão-de-obra sem experiência já que o mercado aquecido tem roubado os garçons mal remunerados dos restaurantes. Apesar dos garçons estarem trajando uma roupa bem moderna, esqueceram de comandar que o bife alto deveria ter sido cortado ao meio já que gostamos de carne que não esteja com o meio sangrando.  Quando o prato foi servido diferente da forma pedida e reclamamos, o garçom se apressou a cortar o bife ao meio, numa clara demonstração de desconhecimento do assunto. Os dois pratos com esse problema voltaram para a grelha e o resultado foi o esperado: carne muito seca.

Resolvemos testar a casa e perguntamos ao gerente como poderíamos ser ressarcidos por esse problema. Esse não voltou á mesa para responder à pergunta e mandou a conta completa, sem descontos, sem oferta de novos pratos, nada! Ele tinha sido avisado que queríamos mais que pedidos de desculpas. Pagamos a conta, sem nenhuma outra reclamação.

Na saída recebemos um folder que informava que a casa (Rua Curitiba 2.102) aceita reservas pelos telefones 2512-0942/4267, oferece serviços de manobristas, tem parceria com Paulo Navarro Comunicação e ofere uma promoção válida de 2ª a sexta até 29/2, por R$49,00/pessoa, de um almoço executivo à la carte com uma taça de vinho carmenere. Da minha parte, morro de medo dessas promoções.

Trata-se de um bom restaurante que precisa apenas treinar melhor seus quadros e fazer as devidas reparações quando errarem. Recomendo vísceras apenas aos especialistas. Penso, finalmente, que Chico exagerou ao afirmar que gostar de vísceras é um desvio de caráter porque gosto de pequi e o caráter anda em dia.

 Classe Média sofre!

Anúncios

2 Respostas para “Parrilla Urbana – 12/2/12

  1. Flavio Morais

    Vem comer Sarapatel em Salinas, meu amigo!

  2. augustonobuteco

    Flávio,
    penso que vísceras é como mulher, depende do tanto que a gente bebe.
    Em Salinas, certamente, lamberei os beiços quando estiver comendo o sarapatel.
    Um abraço,
    Augusto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s