Imagem

Bar Santo Antonio – São João del Rey – 30/3/13

Bar Santo Antonio - 29/3/13

O melhor lugar para se passar a Semana Santa é em São João Del Rey que tem forte tradição religiosa. Respeitamos a sexta-feira e no sábado pegamos firme. A nossa via-sacra iniciou-se pelo Bar Santo Antonio, localizado na Rua da Cachaça 75 que é  rua da antiga zona boêmia da cidade. Ou o endereço é Praça Salatiel 75? Há quem o chame de Academia por ser um reduto de músicos já que o antigo dono (pai do Paulinho) e o atual dono são músicos e promovem saraus que infelizmente não aconteceu na minha passagem por lá.

 

A retirada da placa, por exigência da Prefeitura, e a dúvida no endereço não constituem dificuldades para se encontrar o bar já que está aberto desde 1934 e é um dos mais famosos da cidade, com sua fachada branca e azul.

 

O bar de uma única porta oferece um longo balcão cujo ponto mais disputado é aquele voltado para a rua, deixando a entrada entupida de fregueses e freguesas.

 

O pai do Paulinho mantinha um ringue de boxe nos fundos do bar que era pra onde mandava os fregueses resolverem as desavenças, obrigando-os a usar luvas de box. O ringue era completo, tinha até gongo e um juiz exigia a obediências às regras do boxe.

 

Histórias não faltam a um bar que funciona desde 1934. Conta-se que um burro que sempre estava nas imediações morreu de tanto ouvir as lamúrias dos bêbados desconsolados.

 

Não tínhamos tempo para ouvi-las todas. Ficamos apenas para algumas cervejas (eu nem sei quanto custam as coisas lá), pingas sem identidade e porções de uma feijoada saborosíssima, servidas em pequenas cumbucas individuais.

 

Bar do Paulinho, vai ficar na saudade!

 

Anúncios

3 Respostas para “Bar Santo Antonio – São João del Rey – 30/3/13

  1. Adriana Murta

    O bar do Paulinho pra mim é o melhor!!! Nos dias de semana o carro chefe é seu famosíssimo arroz doce. Conhecido pelos consumidores que trabalham ao redor dali, desde quando era sua mãe quem fazia.
    Foi uma pena mesmo que os seresteiros não estivessem ali nesse dia…
    abraços

  2. augustonobuteco

    Adriana,
    muito bem lembrado do arroz doce. Como não comi, esqueci. Ando precisando de muitos artifícios para me lembrar das coisas todas.
    Um abraço,
    Augusto

  3. a Vinte e cinco anos atrás(1988) eu fazia entrega de carne nesta bela cidade, pois eu trabalhava no frigorífico São João aqui de Belo Horizonte e estive neste bar muito agradável e conheci duas pessoas muito bacanas,um foi o dono e a outra se não me falho a memória o nome dela era Rosimara ou Lucimara.Gostaria de saber notícias dessas pessoas pois eles me receberam com muito carinho nesta belíssima cidade. Saúde e paz para eles.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s