Arquivo do dia: 15/02/2009

14 de Fevereiro – Sábado

dsc04627reduzida1dsc04630reduzid

                O número 884 da Rua Paulo Afonso, esquina com Antonio Dias, abriga o Barbará, que é o local de onde o Santo Bando concentra, a partir das 14 horas, e sai por volta das 17 horas, dando uma volta no bairro Santo Antônio, já pelo sexto ano consecutivo.

         O samba-enredo, com letra do Cássio, dá o recado do espírito atual:

                                  “Eu não quero saber de crise conjugal

                                  E nem quero viver crise existencial

                                  Temos que detonar esta crise mundial

                                  Vestir a fantasia, cair na folia neste carnaval”.

         Belo Horizonte está seguindo uma tendência que o Rio de Janeiro propõe para o carnaval, que para nós é mais adequado e necessário, que é Carnaval de Blocos. Para o Rio é uma alternativa e para nós é a única solução. Basta estender esta solução para o carnaval, não ficando restrito à véspera do carnaval.

Este ano, além da já tradicional Banda Mole que sairá pelo trigésimo quinto ano consecutivo com o tema “Com onda ou marola a banda deita e rola”, e do Santo Bando, já aparece nos jornais a programação de mais 4 blocos: Banda Moda na Rua Guajajaras no Barro Preto, Banda Sagrada Folia na Sagrada Família, Bloco Concentra Mas Não Sai na Rua Jacuí e o Bloco As Virgens do Formigueiro Quente no Mantiqueira (ui).

A democracia que o carnaval representa estava lá; gente de todas as idades e classes sociais (acredito que mas 5.000 pessoas), misturadas em um quarteirão, vestidas da forma que bem entedessem, cantando, dançando, ou apenas olhando. E me chamou a atenção a presença de pessoas bem idosas, participando do carnaval, o que não é comum em BH. E uma tranquilidade e segurança, que não é comum quando se ajunta tanta gente, permitindo a presença de crianças bem novas, com seus confetes e serpentinas.

Encontrei ou fiquei sabendo da presença de Flavinha, Dani Costa, Cássia, Maria José, Hercílio, Luciano, Arlete, Humberto, Vilminha, Tonico, Fabiano, Deco, Dani, Cristina, Bené, Carneiro, Lucas e Podestá.

É isso aí. O carnaval do Santo Bando está definitivamente incorporado nas minhas folias momescas.

Anúncios